• Home
  • /
  • Sobre
  • /
  • Resenhas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Entrevistas
  • /
  • Desafio
  • /
  • Contato
  • [RESENHA] Desejo Proibido - Livro # 1 - Sophie Jackson

    Resenha por: Suelen Fernandes
    Título: Desejo Proibido
    Autor(a): Sophie Jackson
    Editora: Arqueiro
    Gênero: Literatura Estrangeira / Romance
    Páginas: 416
    Ano: 2015
    Compare e Compre: Buscapé
    Adicione: Skoob
    Nota
    Sinopse: Primeiro livro de uma trilogia, Desejo proibido é uma história de amor e redenção, de universos distantes que se aproximam e se fundem numa paixão avassaladora. Seu amor é proibido, mas não pode ser ignorado. Katherine Lane nasceu em berço de ouro. Filha e neta de senadores, a bela ruiva de olhos verdes e curvas perfeitas se formou em Literatura e surpreendeu a todos ao decidir dar aulas em uma penitenciária. Mas quando Carter, um detento inteligente e perigosamente sexy, desperta ao mesmo tempo a raiva e o desejo de Kat, ela é forçada a admitir para si mesma que a decisão de lhe dar aulas particulares pode ter sido motivada não pela generosidade, mas sim, pela crescente atração entre os dois. Embora a família e os amigos de Kat temam que a paixão destrua sua carreira e sua vida, tudo o que ela quer é ficar com esse homem que a faz sentir-se completa. Porém, Carter guarda um segredo que tanto pode unir seus destinos para sempre quanto afastá-los de uma vez por todas.



    Katherine Lane é uma mulher inteligente, se formou em Literatura e vem de uma família rica. Perdeu seu pai quando tinha 9 anos e desde então ela vem tentando fazer algo que honre a memória dele. E sua decisão foi dar aulas em uma penitenciária. Sua mãe Eva fica aborrecida com essa decisão e tenta a todo momento fazer com que ela desista, mas Kat fez uma promessa ao seu pai e não irá desistir.

    Wesley Carter é um detento de Arthur Kill, ele vive entrando e saindo da prisão e sempre viveu a vida da forma que quis. Um homem super agressivo e que tira a paciência de todos os agentes penitenciários. Sua revisão para condicional está chegando e ele precisa mostrar um bom comportamento, para isso ele iniciou uma série de aulas na prisão, mas sempre acabava expulso das aulas pois brigava com os professores. Agora só lhe resta a aula de Literatura, mas se ele pensa que vai conseguir acabar com a paciência da professora está muito enganado.

    Kat e Carter se conhecem nas aulas, ele tenta de toda forma tirar a autoridade dela, mas Kat é firme e o coloca no lugar. Ela vê um grande potencial nele e pede ao diretor da penitenciária que a deixasse dar aulas particulares para ele, já que ele não se dá muito bem com os outros detentos. O diretor a principio a embarrera, mas Kat sabe persuadi-lo a aceitar sua oferta. E é aí que a atração dos dois começa.

    Seu gosto forte, com uma pitada de fumaça. Era sublime. Era como se ela tivesse procurado por ele durante toda a vida. Ele fazia sua cabeça parecer leve e pesada, excitada e apavorada, tudo ao mesmo tempo.

    A história vai desenrolando de uma forma bem lenta e aos poucos vamos conhecendo cada personagem, algumas peças do passado dos dois se encaixam e eles descobrem que se conhecem de uma outra situação. Isso é o momento decisivo entre os dois, pois o amor deles floresce e os dois acabam cedendo a atração que os envolve.




    Kat é uma amor de pessoa, mas isso não quer dizer que ela seja boba. Quando preciso se torna uma leoa para lutar por o quê ou quem ela quer. Ela não se deixa levar pela sociedade e nem pelo preconceito. Amei ela desde que a conheci, não é uma personagem chata, tem seus momentos de fraqueza, mas qual ser humano não tem?

    Carter me irritou um pouco no começo da história. Ele é muito orgulhoso e não aceita ser ajudado. Faz de tudo para que as pessoas o odeiem e isso me deixou chateada. Apesar de conhecer toda sua história acho que não teria por que ele ser tão rude. Mas isso não me impediu de me apaixonar por ele. Conforme ele assume seus sentimentos vamos conhecendo um lado que ele nunca mostrou a ninguém, só Kat consegue extrair isso dele.

    O amor deles estava além das palavras, além da razão, além até mesmo deles dois. Era indescritível, inexplicável, mas inquebrável e inabalável. Sua conexão, o laço que compartilhavam, tinha levado dezesseis anos para ser construído. Mesmo que eles não tivessem se reencontrado, se houvessem seguido a vida, um dia monótono após o outro, ainda assim teriam sido parte um do outro, uma parte silenciosa e integral que sempre existiria, enquanto ambos vivessem.

    A história é envolvente, sedutora, evolui de forma lente e vai ganhado espaço até se tornar maravilhosa. Os personagens são bem construídos e conseguimos saber o que cada um pensa. A escritora soube conduzir os acontecimentos. Como toda história tem o seu vilão e nessa ele se chama Austin, uma homem lindo e muito sedutor que quase me enganou com sua elegância, mas por baixo existia um ser arrogante e muito invejoso.

    A capa do livro mostra a intensidade que a história passa, a diagramação é simples, os capítulos são intercalados na visão de Kat e Carter. As folhas são amareladas e a fonte é do tamanho perfeito para leitura. A revisão está impecável.

    Recomendo a todos que gostam de um romance repleto de companheirismo, recomeço, amor e luta. Ele passa uma mensagem linda de que você pode ser sempre melhor do que já foi.

    Beijinhos!


     

    14 comentários :

    1. Oi Suelen, adorei sua resenha e concordo plenamente com suas considerações. Eu já li esse livro e concordo plenamente com suas considerações. A história é mesmo muito envolvente e adorei os personagens.
      Beijos, Fer

      ResponderExcluir
    2. Uma coisa que eu valorizo em romances, é quando o amor entre o casal principal vai amadurecendo durante a narrativa. Acho que isto existe neste livro e é uma coisa que me levaria a conhecer o livro.
      MEU AMOR PELOS LIVROS
      Beijos

      ResponderExcluir
    3. Oi!
      Eu esperava mais do livro quando o li,confesso,mas ainda assim acho que é uma trama muito boa,cheias de boas mensagens e com uma ótima narrativa, só acho que poderia ter sido melhor explorada.
      Beijos!

      ResponderExcluir
    4. Oie Suelen, tudo bom?

      O que gostei na história é que o livro envolve mais coisas além do romance entre os personagens principais. Carter precisa aprender a lidar com seu temperamento, seu passado problemático, abandono e rejeição familiar, enquanto que Kat precisa superar seus traumas, sua mãe superprotetora e sufocante.

      =)

      ResponderExcluir
    5. Oi, Suelen, tudo bem?

      Infelizmente minha experiência com a leitura não foi tão boa quanto eu imaginava. Eu estava muito ansiosa para realizar essa leitura, mas me decepcionei muito com seu enredo. Achei machista demais e algumas passagens são de extremo mau gosto, como quando ele diz que se ela não fosse tão bonita ela merecia apanhar, algo assim. Acho que com certas coisas não se brinca.
      Também achei que a Sophie explorou muito pouco a natureza da relação deles, ficou tudo muito superficial...enfim, não curti, mas também não odiei. Que bom que sua experiência foi melhor que a minha.

      Beijos

      ResponderExcluir
    6. Olá Suelen,
      Não lembro se já tinha lido outra resenha desse livro, mas lembro de ter visto a capa.
      Esse livro foi bastante controverso depois que li sua resenha, me encantei pela personalidade da Kat, determinada e, ainda assim, carinhosa e um amor de pessoa e, ao mesmo tempo, me decepcionei com a personalidade de Carter. Não curto personagens que não gostam de ser ajudados - mesmo quando precisam ser.
      Acho que faria a leitura apenas para conhecer melhor a Kat e meio que ignoraria o Carter rs.
      Parabéns pela resenha.
      Beijos!
      Um Oceano de Histórias

      ResponderExcluir
    7. Oi!
      Eu li esse livro achando que seria uma simples história de amor proibido, e fiquei encantada com a intensidade que a autora coloca no amor d ocasal.
      Realmente Carter não gosta muito de ajuda, mas ele é completamente centrado e inteligente, e eu adorei isso nele.
      Adorei a abordagem da autora sobre o que leva uma pessoa a se desviar do caminho correto, e que todos merecem uma segunda chance.

      ResponderExcluir
    8. Nossa, gostei muito da trama que você apresentou nessa resenha. Talvez por eu amar aulas de literatura e até ter seguido em parte esse caminho na vida adulta ou pela queda que tenho por bad boys. Enfim, adorei saber que a autora desenvolve os personagens de forma lenta, o que dá à nós leitores tempo de nos apegarmos aos personagens. Obrigada pela resenha desse livro, pois com certeza vou correr atrás dele numa livraria.

      Beijos,
      Mariana Baptista
      umavidaporlivro.wordpress.com

      ResponderExcluir
    9. Adorei a resenha! Desejo Proibido é um livro que já está nos meus desejados, e por gostar bastante do gênero eu sei que irei amar! Pelo menos, é o que espero *-* Parece realmente ser uma leitura bem envolvente, impossível de largar!

      Beijos

      ResponderExcluir
    10. Adoro histórias que vão nos ganhando aos poucos, são as melhores, né? Tenho visto várias resenhas dos livros dessa autora, e preciso logo ler algo dela. Eu amei a trama, curto um bom romance, e quando tem elogios como esses é impossível não ficar curiosa.
      beijos
      www.apenasumvicio.com

      ResponderExcluir
    11. Olá!! :)

      QUe bom que gostaste! A verdade e que nao gosto la muito do tema nem do genero, ja que nao me sinto nada a vontade com eles.

      Mas acho sempre bom que gostes, especialmente se achaste a historia envolvente e sedutora, como a descreveste.. :)

      Boas leituras!! ;)
      no-conforto-dos-livros.webnode.com

      ResponderExcluir
    12. Não sou fã de romances não, mas esse me interessou. Não sei dizer o que me chamou a atenção, mas fiquei curiosa. Porém, detestei a capa. Aliás, raramente alguma capa de livros desse gênero me agradam. A imagem é bonita, mas acho sempre muito apelativo.

      ;D
      Nelmaliana Oliveira

      ResponderExcluir
    13. Oie.
      Nossa, adorei, que trama diferenciada, amores proibidos temos aos montes, mas entre a filha de um senador e um presidiário? Tá aí algo que eu nunca li, gostei e a dica está anotada aqui!
      Bjokas

      ResponderExcluir
    14. Olá.
      Não conhecia esse livro da editora e tem uma pegada bem diferente do que costumo ler, fiquei interessada e a dica está anotada, parabéns pela resenha.
      BJs

      ResponderExcluir

    Olá! Comente sobre o post acima :)
    Estou muito grata por você visitar o Era uma vez o... Livro
    Volte sempre! :D