• Home
  • /
  • Sobre
  • /
  • Resenhas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Entrevistas
  • /
  • Desafio
  • /
  • Contato
  • [RESENHA] Eu Sem Você de Kelly Rimmer

    Resenha por: Suelen Fernandes
    Título: Eu Sem Você
    Autor(a): Kelly Rimmer
    Editora: Arqueiro
    Gênero: Ficção / Romance
    Páginas: 304
    Ano: 2016
    Compare e Compre: Buscapé
    Adicione: Skoob
    Nota
    Sinopse: Há um ano, conheci o amor da minha vida. Para duas pessoas que não acreditavam em amor à primeira vista, até que Lilah e eu chegamos bem perto de dizer que isso aconteceu conosco.
    Eu tinha um bom emprego em uma agência de publicidade e não fazia outra coisa além de trabalhar. Era incapaz de tomar decisões sobre meu futuro e minha casa inacabada e não sabia aproveitar a vida. Até conhecer Lilah.
    Lilah MacDonald era uma advogada ambientalista linda e decidida – e, para minha surpresa, detestava usar sapatos. Era uma pessoa tão maravilhosa que é até difícil descrevê-la.
    Nosso relacionamento não poderia ser mais improvável, mas me transformou profundamente. Comecei a enxergar as coisas de outra forma e a redescobrir antigas paixões. Lilah me ensinou a viver outra vez e a aproveitar ao máximo tudo o que a vida tem a oferecer.
    Ela me proporcionou momentos incríveis, mas também manteve em segredo algo que partiu meu coração. Ainda assim, se há uma coisa que aprendi com Lilah é que o amor pode curar qualquer ferida.
    Meu nome é Callum Roberts e esta é a nossa história.
    ****
    Lilah - 7 de setembro
    Há uma coisa – e somente uma – que preciso lembrar: a maneira como me sinto esta noite. Caí de paraquedas nessa relação com Callum. Tenho me deixado levar, permitindo que a química entre nós nos guie, pensando que podemos fazer bem um ao outro. Quando nos encontramos por acaso na George Street, pensei que se eu acreditasse em “é para ser”, então era isso que era para ser. Eu me imaginei contando à minha mãe sobre como eu tinha tentado fazer a coisa certa e poupá-lo das complexidades da minha vida e que, então, ele simplesmente apareceu do nada bem na minha frente, logo no dia seguinte. Ela faria aquela cara de velha sábia que gosta de exibir para seus alunos e alegaria que o Universo estava tentando me dizer alguma coisa. Eu riria dela, mas, secretamente, adoraria, porque era naquilo que eu queria acreditar também.
    Mas, apesar dos protestos de Callum de que era um solteiro convicto, tudo o que eu via quando olhava para ele era alguém que queria amar e ser amado. Estamos nos apaixonando. A relação ainda está engatinhando, mas toda vez que nos vemos as palavras fluem e os sentimentos as seguem. Cada dia que eu prolongo isso apenas torna tudo mais difícil.

    Callum Roberts é um solteirão convicto. Ele vivia para o trabalho e nunca terminava o que se propunha a fazer. Começou a reforma da sua casa, mas deixou pela metade, queria ser fotografo e até comprou uma câmera, mas não seguiu ir em frente na carreira, queria viajar para Paris, mas nunca foi apesar de ter condições para isso. Teve uma família feliz e seus pais foram o exemplo de que um casamento pode dar certo. Só que ele não acreditava que poderia encontrar alguém tão perfeita a ponto de querer uma vida juntos.

    Um dia voltando do trabalho Callum começa uma discussão com uma mulher na balsa. Ela é eloquente, tem sempre respostas boas e precisas, mas sua aparência se contradiz. Enquanto usa um terninho, está com os pés descalços e todo sujo. Isso chama a atenção dele e depois da discussão não ter dado em nada eles saem para jantar. Lá ele descobre que ela se chama Lilah e é uma vegana convicta, depois do jantar eles vivem uma pequena aventura que vai mudar a vida dos dois.

    Com o canto do olho, percebi um pé descalço e imundo. Tentei virar para o outro lado, mas a verdade é que não dá pra perdoar: pés descalços em lugares públicos e, àquela altura, eu não havia reparado no corpo ao qual o tal pé pertencia. Tenho certeza de que fiz uma careta, mas estava realmente tentando me concentrar no laptop em que trabalhava. Óbvio que não fui muito bem sucedido nisso, porque ela me flagrou.
    – Se quiser ver meus olhos também, é só olhar para cima – disse ela com uma voz alegre.
    Então, para me certificar de que não tinha interpretado mal aquele tom de voz, ergui os olhos para ela.
    Foi assim que aconteceu nosso primeiro contato. E foi nesse momento que eu me apaixonei.
    Então, na verdade, talvez tenha sido amor à segunda vista.

    Lilah é uma advogada ambientalista e luta com unhas e dentes pelos seus ideais e suas convicções. Ela acha que pode ajudar a fazer um mundo melhor e quando vê uma grande empresa destruindo o meio ambiente ela vai para cima e joga com todas as armas que tem. Ela é uma hippie que não liga para o que as pessoas pensam. Assim que ela conhece Callum, ela mostra outro lado da vida e começa abrir os olhos dele.

    Eu comecei a ler esse livro sem nenhuma expectativa, via dois personagens totalmente diferentes, que ficaram encantados um pelo outro. Logo de cara deu para ver que Callum se apaixonou por Lilah, mas ela não queria relacionamento de jeito nenhum. Eles decidiram seguir a vida um dia de cada vez, só que o relacionamento foi ficando sólido, mesmo Lilah falando a todo tempo que eles não estavam juntos. Foi legal ver Callum se divertir e sair da sua toca, ele um carnívoro convicto experimentar comidas vegetarianas, passear em meio a natureza. Era um relacionamento lindo.

    Então me ocorreu que, quando parei de buscar coisas novas na minha vida, eu tinha efetivamente contornado o risco e o medo. E agora que uma nova possibilidade surgira bem diante dos meus olhos e eu estava ficando viciado no meu relacionamento com Lilah, me sentia exposto e vulnerável. Ela tinha marcado um almoço para fazer planos dessa vez. Na próxima, poderia muito bem me lembrar de que ela não queria entrar em um relacionamento e terminar aquilo que estava acontecendo entre nós. Se eu ia continuar saindo com Lilah, tinha que estar preparado para essa possibilidade. Eu já tinha vivenciado, em primeira mão, o estilo de vida dela, cheio de reviravoltas inesperadas, saltando para todos os lados para aproveitar ao máximo. Quem saberia se – ou quando – ela faria algo para se afastar de mim?

    A todo momento se via um certo nervosismo por parte de Lilah. Ao mesmo tempo que ela não queria ficar com Callum, o seu coração queria se agarrar a ele com todas as forças. Assim comecei a perceber que Lilah escondia algo de muito grave e isso se concretizou nos capítulos finais onde soubemos qual o segredo dessa grande mulher.

    Eu demorei muito para ler esse livro, apesar de ser uma história incrível, para mim não fluiu. Os capítulos eram muito grandes, eram páginas e mais páginas e nunca acabava. Claro que havia umas pausas, mas isso não amenizou o cansaço ao ler o livro. Os capítulos que eram narrados por Callum eram enormes, enquanto os narrados por Lilah eram duas ou três páginas. Isso me desmotivou muito a ler.


    A história mostra como um amor é construído aos poucos e que mesmo com todas as barreiras do mundo, se tiver que acontecer ele vai acontecer. Lilah mostrou como a vida passa rápido e se não aproveitarmos o agora, não sabemos se o futuro nos dará a chance de realizar as nossas vontades. A música “Semana Que Vem” da Pitty é a trilha sonoro exata para esse livro. Lilah mostra que Callum deve viver o agora e fazer o que deseja sem demora. Isso acaba mudando drasticamente a vida de Cal e ele passa a ver o mundo de uma forma totalmente diferente.

    O final da história é lindo e emocionante. Vemos como o amor dos dois, apesar de ter acontecido a pouco tempo, é forte e que supera as dificuldades da vida. Eu fiquei arrepiada com tudo que ia descobrindo e só aí que a história começou a fluir e me instigar a ler mais e mais.

    A capa do livro é linda e muito condizente com o enredo. A diagramação está simples, mas perfeita. A revisão como sempre impecável. O livro é narrado pelo ponto de vista do dois personagens. As folhas são amareladas e a fonte é do tamanho certo para leitura.

    Recomendo esse livro ser lido intercalado com outras histórias, pois ele deve ser degustado aos poucos. Seu enredo agradara a todos que amam histórias fortes, emocionantes, motivadoras e que trazem uma sensação de renovo.

    Beijinhos!


    24 comentários :

    1. Olá Suelen
      Eu também já li esse livro e gostei, apesar de ter esperado algo mais. Apesar disso, concordo que o final foi muito emocionante e a capa não poderia ser melhor elaborada. As mensagens acerca do amor são muito bem desenvolvidas, entre outros detalhes. Adorei poder ler seus comentários por aqui e seu post ficou ótimo.
      Boas leituras!
      Beijos, Fer
      www.segredosemlivros.com

      ResponderExcluir
    2. Olá, tudo bem com você?
      Eu já vi muuutias resenhas sobre esse livro, até porque ele não está com tanto tempo que foi lançado rsrs. Confesso a você que não sou muito fã de livros de romance, mas pelo que andei lendo ele pode agradar a qualquer um. Gosto quando a autora colocar pontos de vista diferentes no livro e não curto essa história de fazer um outro livro contando a mesma coisa, só que com outros olhares, acho desnecessário rsrs. Adorei a resenha, mas talvez vá demorar um pouco para eu ler a obra. P.S. Amo essa música da Pitty. Até mais vê
      Bjs

      ResponderExcluir
    3. Marshall, é você? Hahahaha. Flor, Marshall é um advogado ambientalista do seriado How I Met Your Mother... Não sei por que, mas lembrei imediatamente dele ao ver sua resenha. Adorei o romance proposto, flor. Uma pena que a narrativa fluiu lenta e um pouco cansativa em alguns momentos, mas realmente me interessei por ver esse casal tão inusitado.

      Beijos!
      http://www.myqueenside.com.br

      ResponderExcluir


    4. Eu li esse livro e sinceramente gostei da trama, mas eu achei que poderia ter tido mais aprofundamento entre os personagens. Achei os sentimentos deles um pouco VAGO sabe? Não sei, a mocinha não me convenceu. Já o rapaz fez de tudo para que a menina se sentisse bem.

      Curti a leitura, mas não foi uma das melhores que fiz.
      Acho que poderia ter sido mais bem explorada e me lembrou muito A CULPA É DAS ESTRELAS. Enfim...Mais é um bom livro para se passar o tempo.

      http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/09/reflexao-parte-6.html

      ResponderExcluir
    5. Oie, o livro parece um clichê amoroso, e isso não é muito meu tipo de leitura, mas a capa dele é muito atraente e sua resenha foi bem detalhista, adorei.
      Beijos, Lari
      segredosdeumacerejeira.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    6. Suelen, desde as primeiras divulgações deste livro, me interessei por ele, primeiro pela capa e depois pelo enredo. Adorei saber que o final é emocionante!!! Quero muito ler!
      MEU AMOR PELOS LIVROS
      Beijos

      ResponderExcluir
    7. Oi, tudo bem?
      Então, fiquei muito curiosa com a obra, mas quando li que os capítulos são longos fiquei meio em dúvida se leria, porque geralmente se torna uma leitura lenta e cansativa e como ultimamente o meu tempo anda meio corrido estou dando prioridade a leituras que flui mais rápido. Mesmo assim vou anotar a dica, talvez eu o leio mais pra frente

      ResponderExcluir
    8. Olá,
      O livro me interessou, mas em contrapartida, eu não gosto de livros com capítulos grandes por também achar que é bastante cansativo. Ainda sim, se eu tiver a oportunidade, quero lê-lo. É divertido acompanhar um amor nascendo de duas pessoas que são completamente opostas uma da outra.
      http://www.virandoamor.com/

      ResponderExcluir
    9. Oie
      Tudo numa boa?
      Então logo no lançamento eu estava super louca para fazer a leitura e pense no spoiler que ganhei lendo uma resenha fiquei até triste :(
      Eu ainda vou lê-lo e sei que vou me emocionar a historia é muito linda e já vou me preparar para chorar muito já que sou manteiga derretida.
      Bju
      Mary Reis

      ResponderExcluir
    10. olá Suelen,
      Que bom que você gostou dessa obra. Até hoje, acho que sua resenha é a única positiva.
      Não tenho curiosidade de ler esse livro, pois não consigo imaginar dois personagens que, aparentemente, nunca quiseram um relacionamento, ficarem juntos, sabe? Essa lógica não entra na minha cabeça.
      Entretanto, acho válido você ter gostado mesmo a leitura tendo demorado um pouco.
      Vou deixar a dica passar.
      Beijos,
      Um Oceano de Histórias

      ResponderExcluir
    11. Olá,
      Já ouvi falar da obra, mas ainda não li. A capa e a premissa chamam bastante a minha curiosidade e me lembra um pouco A culpa é das estrelas, que gostei bastante. Então acredito que seria uma boa leitura.
      Fico feliz em saber que o final te surpreendeu e estou curiosa para saber porque!

      http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    12. Olá...
      Fico feliz que voce tenha curtido a obra, pois, ultimamente não tenho lido muitas resenhas que fizessem desejar a leitura.
      Não considero a sinopse da obra atrativa, pois, esse tipo de relacionamento não me atrai numa leitura, então, acho que dificilmente poderei ler.
      Beijos

      ResponderExcluir
    13. Oi Suelen, tudo bem?
      Achei a trama do livro super interessante, um cara que faz tudo pela metade e uma moça que vai atrás dos seus objetivos, tinha como um ser mais oposto que o outro? haha
      Só que me sinto incomodada também quando as perspectivas dos protagonistas não ficam muito bem intercaladas, e o fato da mocinha ter pouco espaço na história é algo meio chato. Mas enfim, me parece ser uma obra para nos fazer refletir e quem sabe eu leia um dia apesar do número de páginas, certo?
      Adorei a sua resenha.

      Beijos! ♥

      ResponderExcluir
    14. Hello, Suh, tudo bem?
      Realmente o livro deve ser uma história de opostos, e parece trazer um 'que' de empoderamento feminino, estou certo?
      Me interessei a ler, mas não gosto de livros muito melosos, acha que vale a pena?

      ResponderExcluir
    15. Olá,

      Confesso que gosto um bocado de romances, mas este livro não conseguiu despertar meu interesse. Achei muito complicado essa situação da protagonista, ela viver sempre sumindo ou sendo indiferente com o rapaz, não entendi o porque da autora querer criar um laço tão tenso e que claramente faz um lado da relação sofrer. Ainda assim, gostei de alguns elementos que você apontou na obra e futuramente talvez, eu dê uma chance a este livro.

      Abraços
      Cá Entre Nós

      ResponderExcluir
    16. Oooi, primeira visita e já amei o blog!
      Esse livro me lembrou um que li recentemente (na parte que voce diz sobre o segredo que a personagem esconde).
      Gostei de como descreveu o livro, de como colocou sua opinião sem dar spoilers (o que é muito importante) e gostei muito dos comentários finais (sobre a capa, as páginas a fonte e etc.).
      Beijos ♡

      ResponderExcluir
    17. OII Su!!!!


      Olha, não recordo de ter lido esse livro, infelizmente estou lendo nesse estilo: capítulos longos, narrativas cansativas e poucos diálogos. Enfim, realmente a estória parece ser cativante, mas ao assumir seu papel de leitora não me senti animada para começar esse livro, entretanto muito obrigada pela dica. Beijos!

      ResponderExcluir
    18. Oi, flor.

      Gostei bastante da sua resenha e estou com uma super vontade de ler esse livro. Eu já tinha visto a um tempo algumas resenhas, mas agora lendo a sua que tive certeza que vou gostar da leitura. Fico feliz que vc tenha gostado da leitura e se emocionado e espero gostar também.

      Beijos!
      http://www.anebee.com.br/

      ResponderExcluir
    19. Tem leitor que diz ser frescura capítulos longos, mas é a mais pura verdade, não consigo prosseguir a leitura quando o capítulo é extenso, parece que a história nunca acaba e nos deixa sem a mínima vontade de continuar. Não sei se quero ler esse livro, ele está dividindo opiniões, a maioria diz que é emocionante porem massante, o que não me motivou a colocar como desejado.

      ResponderExcluir
    20. Oi Suelen, gosto quando enredos são narrados por ambos os protagonistas, dá uma visão melhor e mais completa do enredo. Mas vou confessar que quando este livro saiu não me empolguei tanto a ler, mas depois de algumas resenhas mudei de ideia e vou dar uma chance.
      Bjs!

      ResponderExcluir
    21. Oie!!!!
      Eu gostei muito da sinopse do livro. É realmente envolvente apesar de nao ser inovador. E pode ter sido isso que desistimulou um pouco a sua leitura, mas mesmo assim vou ler, pois fiquei bem curiosa com alguns aspectos levantados por sua resenha.
      Valeu a dica, pois não conhecia o livro!
      Bjinhos ;)
      Elaine M. Escovedo
      Caminhando Entre Livros
      Http://www.caminhandoentelivros.com.br

      ResponderExcluir
    22. Uma sinopse maravilhosa? Confere.
      Personagens interessantes? Confere.
      Tua resenha é um mimo? Confere.
      Pretendo ler esse livro futuramente, mas primeiro preciso diminuir a lista das leituras, que tá inchada feito um balão de gás, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.
      Beijos!

      ResponderExcluir
    23. Oi Suelen, tudo bem?
      Eu morro de vontade de ler esse livro, eu sou suspeita de falar pois adoro um bom livro emocionante, só é ruim quando a leitura não flui, né? mas fico feliz em ver que depois deu tudo certo e no fim você adorou a trama. Com certeza lerei em breve!

      Beijos

      http://www.oteoremadaleitura.com/

      ResponderExcluir

    Olá! Comente sobre o post acima :)
    Estou muito grata por você visitar o Era uma vez o... Livro
    Volte sempre! :D