• Home
  • /
  • Sobre
  • /
  • Resenhas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Entrevistas
  • /
  • Desafio
  • /
  • Contato
  • [RESENHA] A Transformação de Raven - Noites em Florença #1 de Sylvain Reynard

    Resenha por: Suelen Fernandes
    Título: A Transformação de Raven
    Autor(a): Sylvain Reynard
    Editora: Arqueiro
    Gênero: Ficção / Literatura Estrangeira
    Páginas: 448
    Ano: 2015
    Compare e Compre: Buscapé
    Adicione: Skoob
    Nota
    Sinopse: Florença, o berço do Renascimento. Um lugar culturalmente fervilhante, perfeito para quem quer esconder segredos ou está em busca de uma segunda chance. Como a doce Raven, que se muda para a cidade na tentativa de esquecer os traumas do passado e se dedicar à sua maior paixão: a restauração de pinturas renascentistas.

    Um dia, voltando para casa do trabalho na Galleria degli Uffizi, sua vida muda para sempre. Ao tentar evitar o espancamento de um sem-teto, Raven é atacada. Sua morte parece iminente, mas seus agressores são impedidos e brutalmente assassinados. Assustada e prestes a perder os sentidos, ela só consegue vislumbrar uma figura sombria que sussurra: Cassita Vulneratus.

    Ao despertar, Raven faz duas descobertas perturbadoras: uma semana se passou desde o ocorrido e ela se transformou por completo. Quando volta ao trabalho, mais uma surpresa: alguém conseguiu burlar o sofisticado sistema de segurança da galeria e roubar a inestimável coleção de ilustrações de Botticelli sobre A divina comédia.

    Em busca da verdade, Raven cairá diretamente nos braços do Príncipe de Florença – tão belo quanto poderoso, tão sedutor quanto maligno –, que lhe apresentará um submundo de seres perigosos e vingativos, cujas leis ela precisa aprender depressa se quiser se manter viva e salvar os que a cercam.

    A Transformação de Raven marca o início da série Noites em Florença, cujos personagens foram apresentados no prólogo O Príncipe das sombras.

    Raven é uma restauradora de obras renascentistas. Ela saiu dos USA para Florença na tentativa de ter uma nova vida. Desde pequena Raven sofreu muito, aos 12 anos sofreu um atentado por conta de seu padrasto e quebrou a perna, desde então ela anda de muletas e sente muitas dores na perna. Ela é uma mulher inteligente, mas não chama muita atenção dos homens pois é uma mulher cheiinha e deficiente.

    Raven estava voltando de uma confraternização com os amigos e se depara com uma cena triste, alguns homens bêbados estavam mijando e batendo em um sem teto. Ela conhecia o sem teto que se chamava Ângelo, Raven tentou ajuda-lo, mas os homens se voltaram contra ela e a encurralaram, bateram nela e a levaram para um beco para ser estuprada. Só que os homens não conseguiram finalizar a maldade pois Raven foi salva pelo Príncipe de Florença e viu sua vida mudar totalmente.


    O Príncipe de Florença, também conhecido como William York é um homem solitário e no vocabulário dele não existe misericórdia, ele não liga para a vida humana e muito menos se mete nas confusões que acontecem entre eles. Só que uma bela noite ele sente um cheiro doce e irresistível, Willian descobre que esse cheiro vem do sangue de uma humana que está sendo atacada por três homens. No impulso Willian mata os três homens e toma a mulher para si, ele cuida dela e se vê fascinado por ela. Ele não sabia, mas tinha encontrado a sua metade.

    Ela havia entrado na sua vida qual um cavalo de Troia e trazido consigo a misericórdia. Ele detestava misericórdia, pois ela significa fraqueza.

    Esse é o primeiro livro da série Noites em Florença, no spin-off conhecemos um pouco do Príncipe, e do que está para acontecer em Florença, como tinha falado na resenha anterior, o primeiro livro é um resumo da série. Já em A Transformação de Raven, vamos conhecer quem realmente é o Príncipe e como sua vida é. No livro anterior não tinha me afeiçoado a ele, mas nesse livro descobri uma pessoa totalmente diferente.

    A história é envolta em mistério, o principado de Florença está sendo atacado e vários traidores estão a volta do Príncipe, mas ele ainda não sabe quem são. Além dele ter que lidar com problemas com o seu povo, ele se descobre fascinado por Raven e tenta de toda forma seduzi-la. Ele pensa que é somente atração, mas no decorrer descobre que é muito mais que isso.

    Um pássaro na gaiola nunca é tão bonito quanto um pássaro livre, Cassita. Você já foi ferida o suficiente. Não vou feri-la ainda mais.

    O que mais gostei desse livro foi a Raven, uma mulher altruísta e protetora das pessoas mais fracas. Ela não pensa em si e sempre tenta ajudar os outros. Mesmo sabendo que William é um vampiro ela se sente atraída por ele e tenta entende-lo a todo custo. Teve alguns momentos que sua mania de proteger atrapalhou um pouco, mas foi isso que chamou a atenção do Príncipe, a alma bondosa dela que o fez enxerga-la.

    Eram  o mais improvável dos casais.No entanto,estava claro  para ambos que formavam um par perfeito.

    Outro ponto que a Raven fala a todo momento é sobre a sua aparência. Ela não consegue crer que William a ache linda, ela sempre se sente inferior as outras mulheres e acha que ele está mentindo para a levar para cama. O autor quis mostrar que nem sempre as coisas belas por fora são as melhores, as vezes as coisas aparentemente feias são que trazem relíquias dentro delas. Isso foi um ponto muito bacana que o autor abordou. E nunca devemos nos menosprezar por que não estamos nos padrão de beleza da sociedade, temos que nos aceitar como somos.

    A história finaliza com muitas pontas soltas e o Príncipe ainda não descobre quem são os traidores, então imagina a minha aflição ao terminar o livro. Claro que sai correndo para ler o segundo livro da série que é A Sombra do Passado.


    A capa do livro é linda e mostra as características da Raven, uma mulher branca de cabelos pretos e longos. A diagramação é simples, onde os capítulos são numerados. As folhas são amareladas e a fonte ótima para leitura. O livro é narrado na visão da Raven e do Príncipe. A edição está muito bonita e bem trabalhada. Só dei nota 4 porque demorei um pouco a entrar na história, como o começo tinha muitas explicações deixou um pouco lento, mas isso nos 4 primeiros capítulos, depois a história deslancha e me vi viciada no livro. Não deixem de ler por causa dessa observação.

    Recomendo esse livro a todos que gostam de histórias que envolvam vampiros, que tenha intrigas, lutas, suspense, amizade e amor.

    Beijinhos!


    0 comentários :

    Postar um comentário

    Olá! Comente sobre o post acima :)
    Estou muito grata por você visitar o Era uma vez o... Livro
    Volte sempre! :D