• Home
  • /
  • Sobre
  • /
  • Resenhas
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Entrevistas
  • /
  • Desafio
  • /
  • Contato
  • [RESENHA] Cartas Para Um Pai de Janaina Rico

    Resenha por: Suelen Fernandes
    Título: Cartas Para Um Pai
    Autor(a): Janaina Rico
    Editora: Qualis
    Gênero: Ficção / Literatura Nacional
    Páginas: 124
    Ano: 2016
    Compre: Site da Editora | Amazon
    Adicione: Skoob
    Nota
    Sinopse: Juliana achou que suas férias em João Pessoa renderiam apenas fotos e boas lembranças, mas não foi assim que as coisas se desenrolaram.
    Uma gravidez inesperada alterou toda a sua vida e, para se comunicar com o pai do bebê, as cartas foram a melhor escolha.
    Um livro emocionante e envolvente, sobre amores e a formação de uma nova vida.

    Juliana é uma mulher jovem que trabalha como secretária e está entrando de férias. Ela sempre quis viajar e nessas férias ela via para a Paraíba passar 30 dias de muita diversão. No seu primeiro dia das férias ela conhece um paraibano chamado Anderson e tem um relacionamento com ele. Foram as férias mais animadas da sua vida e ela curtiu muito com Anderson.

    Ao voltar de vigem Juliana continua tendo contato com Anderson, mas sabe que o relacionamento deles foi passageiro. Depois de dias Juliana começa a ter sintomas de enjoo e vomito e sua menstruação está atrasada, ela então vai no médico e descobre que está grávida. Juliana fica atônita e não sabe o que fazer, sua única forma de extravasar o que sente é escrevendo cartas para o Anderson e assim começa toda a história.

    A vida nos prega peças e precisamos aprender a lidar com elas. Nada é fácil nem difícil nessa vida.
    Apenas vive-se.

    O livro nos apresenta a história de uma mulher que depois de uma aventura se vê sozinha e com um filho para criar. Juliana é batalhadora, mora sozinha, trabalha e ainda faz faculdade, como ela vai dar conta de cuidar de uma criança? Ao mesmo tempo que ela pensa em desistir do filho, ela se vê apaixonada pelo bebê e toma a difícil decisão de criar o filho sozinha.

    Parece que é uma loucura da minha cabeça, mas percebo que quando estou triste, ele fica triste. Quando estou alegre, ele fica alegre. Eu entendo o que ele está sentindo, assim como ele me entende. Acho que através do cordão umbilical passam muito mais coisas do que meros nutrientes.

    As cartas que ela envia a Anderson são sentimentais, engraçadas e sinceras, nelas ela conta a realidade de uma gravidez. É comum idealizarmos uma gravidez onde a mulher não sente nada, parece mais linda e que não temos alterações na nossa vida, mas isso é tudo mentira. A gravidez é uma coisa séria e que muda a vida da mulher para sempre. Digo isso por experiência pois a minha gravidez não foi nada fácil. Nesse livro a autora nos mostra a realidade e tudo que se passa do começo ao fim.


    A escrita é leve e as vezes engraçada e nos leva a querer saber o que mais Juliana irá escrever nas suas cartas. O leitor também é levado a pensar se criar um filho sozinho é a forma certa a se fazer. Anderson se mostra interessado em ter contato com o filho, mas Juliana não quer. Seria egoísmo ou altruísmos da parte dela? É legal não querer que o filho conheça o seu pai, mesmo que ela esteja fazendo aquilo de bom coração? São esses os pontos levantados nesse livro.

    Amei ler esse livro pois me identifiquei muito com a personagem. A história é fluida e lemos bem rápido. Me senti envolvida e querendo resolver os problemas de Juliana. Eu já tinha lido a primeira versão do livro e amei essa edição da Qualis Editora.

    A capa é bem bonita e retrata bem o enredo. A diagramação é linda e parece papel de carta mesmo. A revisão está impecável. As folhas são amareladas e a fonte do tamanho ótimo para leitura. A história é narrada na visão de Juliana. A edição da Qualis está linda.

    Recomendo esse livro a todos que gostam de uma leitura leve, recheado de realidade e bem emocionante.
      

    9 comentários :

    1. Oi Suh!

      Até o momento não li nada da Janaína Rico, mas pela sua resenha eu fiquei com vontade de conferir essa história. Será uma boa dica para os momentos que desejo ler uma história leve e o mesmo tempo envolvente. Dica anotada, pois o pouco que fiquei sabendo eu fiquei curiosa.

      Bjos

      ResponderExcluir
    2. Oi,
      Pelo o que li em sua resenha o livro parece ter várias lições de vida. Eu gosto de história que nos faz parar e pensar.
      Ainda não conhecia a autora e nem o livro. Gostei de conhecer.
      Abrçs

      ResponderExcluir
    3. Olà! tudo bom?
      Nossa que legal conhecer mais um livro nacional, parece ser bem legal, e também nos ensinar muito, para ser sincera não conheço a autora, mas sinto que iria gostar muito desa narrativa.
      Beijos.

      ResponderExcluir
    4. Parece ser uma história muito legal, ainda mais por ser em forma de cartas. Quero conhecer mais!
      Beijos
      Mari
      www.pequenosretalhos.com

      ResponderExcluir
    5. Oi, Suh!
      Eu não conhecia o livro, mas já vi vários comentários e elogios a autora. Ainda não li nada dela, mas tenho curiosidade porque ela tem uma grande influência na literatura nacional. Gostei da premissa e acho que seria uma leitura que me agradaria muito. Vou ler assim que puder!

      Beijos,

      Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

      ResponderExcluir
    6. Esse livro da Janaina é sensível e adorei a nova edição, do que conheço da autora, é o melhor. Um leitura enriquecedora.

      ResponderExcluir
    7. Ei. Fiquei bem curiosa para saber mais sobre o livro. Parece ser uma história incrível. Beijos.

      ResponderExcluir
    8. Oie amore,

      De cara já me encantei por essa capa...
      Ao ler sua resenha fiquei curiosa pela história de Juliana.
      Adoro esses livros que tem cartas ... dica anotada por aqui já!

      Beijoka!

      ResponderExcluir
    9. Oi Suh,
      Não conhecia o livro e adoro conhecer autores novos.
      Fiquei interessada pelo livro, mesmo não sendo meu gênero preferido, pelos elementos que você citou, que compõe a história.
      Beijos, dica anotada.

      ResponderExcluir

    Olá! Comente sobre o post acima :)
    Estou muito grata por você visitar o Era uma vez o... Livro
    Volte sempre! :D